Buscar
  • Vários autores

Misericórdia resgata a justiça no processo de ressocialização do preso APAC

Instrumento para uso do direito na sua função promocional da dignidade humana do recuperando.

Por Gilmar Siqueira, Lafayette Pozzoli e Sidney Guerra


A misericórdia e a justiça podem parecer, a partir de uma análise preliminar, uma contradição. Mas essa contradição não é mais que aparente e uma virtude precisa da outra para existir. É difícil falar delas abstratamente porque, como se verá neste estudo, elas existem na vida humana como um intento existencial.


Consiste a virtude da misericórdia em compadecer, isto é, padecer com o outro. Por meio do jugo humano comum do sofrimento é que as pessoas podem se compadecer umas das outras. A experiência do sofrimento é vital para a misericórdia.


Para esclarecer melhor essa tensão vital das duas virtudes, se trarão neste artigo exemplos literários: um, concreto, da experiência do poeta Oscar Wilde5 no cárcere de Reading; e outro, fictício, sobre como a misericórdia mudou a vida da personagem Denise, de Maxence Van der Meersch. Também se tratará aqui dos famosos conselhos de misericórdia e justiça dados por Dom Quixote a seu escudeiro Sancho Pança.


Para ler o artigo completo faça o download do arquivo PDF abaixo.

Misericórdia resgata a justiça no processo de ressocialização do preso APAC
.PDF
Download PDF • 327KB

Artigo publicado na revista Quaestio Iuris . Veja aqui.

4 visualizações0 comentário